JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.

PR ‘Lú Olo’ preocupado com entradas e saídas ilegais através das fronteiras

PR ‘Lú Olo’ preocupado com entradas e saídas ilegais através das fronteiras

O Chefe da Casa Civil da Presidência da República, Francisco Maria de Vasconcelos, revelou que o Presidente da República (PR), Francisco Guterres ‘Lú Olo’, se mostrou preocupado com as entradas e saídas ilegais de cidadãos timorenses, em particular dos Grupos de Artes Marciais (GAM), através das fronteiras terrestres por causa de uma eventual propagação da covid-19.

“O Chefe de Estado convocou um encontro com o Primeiro-Ministro, Vice-Primeiro-Ministro, Ministro da Defesa e Ministra dos Negócios Estrangeiros com vista a discutirem o assunto das travessias ilegais nas fronteiras terrestres de vários cidadãos timorenses. O objetivo principal da reunião foi pensar em como prevenir estas entradas e saídas ilegais que podem causar uma transmissão do novo coronavírus entre a população”, disse Francisco de Vasconcelos, esta quinta-feira (10/09), aos jornalistas, no Palácio Presidencial Nicolau Lobato, no Bairro Pité, Díli.

Francisco referiu ainda que o Chefe de Estado pediu ao Governo que desse mais atenção à segurança da fronteira.

“O PR pediu ao Governo que pusesse em quarentena obrigatória aqueles que fossem apanhados e procurasse os que fogem para que sejam postos também em quarentena com vista a evitar a propagação da covid-19”, disse Francisco.

O responsável da Casa Civil acrescentou que, depois do encontro, o Chefe de Estado e os Executivos continuaram a discussão sobre as medidas a tomar em relação à segurança nas fronteiras terrestres, portos e aeroportos, em conformidade com o decreto presidencial para o Estado de Emergência.

Recorde-se que, uns dias antes, um grupo de participantes de uma organização de Artes Marciais passou ilegalmente a fronteira para participar na graduação de faixas (ujian naik sabuk, em indonésio) na Indonésia e foi detido pelas forças de segurança.

Lee hotu :   Hetan krítika husi públiku, SEPS husu Migrasaun servisu ho disiplina

“A preocupação do Presidente da República deveu-se à detenção destes cidadãos há pouco tempo. Disse que será difícil, para nós, controlar esta situação e temos de impor medidas rigorosas a fim de prevenir a transmissão da covid-19, que poderá ser trazida por estes indivíduos”, concluiu. Oly

Add to Comments Here!!!!

error: Content is protected.
Secured By miniOrange
You might also like:
Governo timorense celebrará acordo com EUA para reabilitação do aeroporto de Baucau

O Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak, reuniu-se...

Sagrada Família kondena aktu grupu RNDJK

Organizasaun rezisténsia Sagrada Família (SF), kondena...

Ramos Horta acredita que TL integrará ASEAN quando Camboja assumir presidência da organização

O ex-Presidente da República José Ramos...

Close