GMN TV Internacional TRIBUNAL TIMORENSE REJEITA OUVIR NOVO PERITO EM CASO DE PORTUGUESES, SENTENÇA NA QUINTA-FEIRA

TRIBUNAL TIMORENSE REJEITA OUVIR NOVO PERITO EM CASO DE PORTUGUESES, SENTENÇA NA QUINTA-FEIRA

0 views

Díli, 14 ago (Lusa) - O Tribunal Distrital de Díli marcou para quinta-feira a leitura da sentença de dois portugueses retidos em Timor-Leste há quase três anos, rejeitando um pedido da defesa para ouvir um especialista em transações bancárias.
Num documento assinado na passada sexta-feira por Jacinta da Costa - a juíza que preside ao coletivo de juízes do caso de Tiago e Fong Fong Guerra -, a defesa é notificada do indeferimento do pedido e da marcação da leitura do acórdão para as 17:00 de quinta-feira. No passado dia 28 de julho, o tribunal adiou a leitura da sentença para avaliar um requerimento da defesa que queria ouvir um perito que ajudasse a esclarecer divergências sobre duas transferências feitas a partir de uma conta em Macau. As divergências referem-se a duas transferências efetuadas em dezembro de 2011 que o tribunal identifica corresponderem a levantamentos em dinheiro - uma delas é de mais de 800 mil dólares -, mas que a defesa insistiu serem transferências para os Estados Unidos. Na sexta-feira, o Tribunal ouviu uma especialista nomeada pelo Banco Central, Lúcia da Silva, que acabou por não conseguir responder a várias das perguntas, nomeadamente por não conhecer - afirmou - o que significavam várias siglas ou acrónimos incluídos nas transferências. O tribunal passou quase três horas a tentar analisar três documentos referentes a uma mesma transferência, com a especialista a não conseguir entender o que a defesa insistiu serem siglas e códigos comuns usados em transferências de bancos comerciais, bem como procedimentos básicos para este tipo de operações. Apesar de confirmar que as transferências tinham saído da conta, a perita insistiu em ter dúvidas sobre "se tinha chegado", levando a defesa a apresentar novo requerimento em que questiona a capacidade do perito escolhido pelo Banco Central. Um desconhecimento que levou a defesa a apresentar um requerimento ao tribunal a pedir que fosse chamado um perito que tivesse conhecimento de procedimentos, códigos e práticas normais no que se refere a transferências internacionais. O tribunal rejeitou o pedido da defesa por considerar que "não há necessidade de audição da segunda perícia nesta fase processual por considerar suficiente a prova produzida". Os arguidos estão a ser julgados pelos crimes de peculato, branqueamento de capitais e falsificação documental, sendo central ao caso uma transferência de 859 mil dólares (792 mil euros), feita em 2011 a pedido de um consultor norte-americano, Bobby Boye. O caso arrasta-se desde outubro de 2014, quando Tiago e Fong Fong Guerra foram detidos na capital de Timor-Leste, país de onde estão proibidos de sair desde aí. O julgamento do caso ficou visto para sentença no passado dia 27 de junho, depois do Ministério Público e defesa terem feito as alegações finais. Nas alegações finais, e para os crimes de peculato e branqueamento de capitais, o Ministério Público pediu penas de prisão de oito anos para cada um dos dois arguidos, além de o pagamento de uma indemnização no valor de 859.706 dólares com juros desde 2011. A defesa, por seu lado, pediu a absolvição, considerando que depois das sete sessões do julgamento "a acusação não conseguiu provar factos que possam incriminar e conduzir à condenação" dos arguidos.  Tiago Guerra foi detido para interrogatório a 18 de outubro de 2014, passou três dias numa esquadra e a 21 do mesmo mês foi ouvido no Tribunal de Díli, quando o juiz ordenou a prisão preventiva na cadeia de Becora, onde ficou preso até 16 de junho de 2015. Desde aí está, como a mulher, com Termo de Identidade e Residência (TIR) e impossibilitado de sair do país.

Lusa/Fim


Banner

Foto

Notisia Ikus

PPN-Konselleiru KHUNTO deskute plataforma entendimentu OJE 2022

September 24, 2021
Konselleiru máximu Partidu KHUNTO, José dos Sa...

Posibilidade semana oin, Governu sei la estende tan SS iha Díli

September 24, 2021
Diretór Sala Situasaun Sentru Integradu Jestaun...

FRETILIN: Ema balu tenta destrói amizade Taur-Alkatiri iha MedSos

September 23, 2021
Xefe bankada FRETILIN, Francisco Miranda Branco,...

Governu propoin PR Lú Olo renova EE

September 23, 2021
Governu kontinua propoin, ba Prezidente Repúbli...

Governu hakotu SS iha munisípiu tolu, Díli mantein

September 23, 2021
Governu iha reuniaun Konsellu Ministru (KM), Kua...
1 2 3 643

About

Grupo Média Nacional was founded on the 19th December, 2003 with the aim of contributing to the development of media in the newly independent Timor-Leste. In that respective year, "Jornal Nacional Semanário" weekly newspaper was launched and in 2005 the Group ... more

Phone: 3311441
Email: [email protected]
Address: Dom boaventura no 8, Bebora Dili, Timor Leste.

GMN Map

Copyright © 2021 GMN TV | All right reserved.
apartmentmap-marker