JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.

Covid-19: Horta pede a timorenses que não discriminem estrangeiros

Covid-19: Horta pede a timorenses que não discriminem estrangeiros

O ex-Presidente da República, José Ramos Horta, pediu aos timorenses que não discriminassem os estrangeiros que residem em Timor-Leste por causa do Covid-19.

O diplomata recordou que o impacto do coronavírus não se faz apenas sentir em Timor-Leste, mas em todo mundo.

“Temos de mostrar ao mundo, num momento de crise, que temos amor aos estrangeiros aqui residentes. Temos de mostrar solidariedade para com os estrangeiros residentes em Timor-Leste, que precisam da nossa ajuda”, disse na terça-feira (24-03), na residência, em Metiaut, Díli.

Horta salientou ainda que, se os timorenses mantiverem a discriminação, quando esta crise do coronavírus acabar, Timor-Leste não receberá mais apoio estrangeiro. A crise poderá, contudo, segundo o diplomata, fazer do país “um Timor de ouro” e sem discriminação.

“No estrangeiro, não ouvi nenhum timorense discriminado. Porém, aqui [em Timor-Leste], é diferente. Estamos a discriminar as pessoas. Por exemplo, a quarentena não é para pessoas doentes”, lembrou.

O diplomata pediu ainda aos timorenses que não entrassem em pânico e se unissem no combate à propagação do Covid-19 em Timor-Leste.

“Temos de ter cuidado. Os cuidados estão nas nossas mãos. Temos de ser unidos. Não podemos culpar ninguém. Esta doença não foi trazida pelos malaes, que também são vítimas dela”, referiu.

“Portanto, se queremos o amor e apoio do mundo, sobretudo da China, da Austrália e de Portugal, temos de mostrar que o povo timorense é civilizado, não discrimina os estrangeiros aqui. Onde está o nosso coração e é onde está a nossa fé”, disse.

Recorde-se que os órgãos de comunicação social portugueses deram esta semana conta de que alguns cidadãos estrangeiros em Timor-Leste são associados à doença e relatam discriminação por parte dos timorenses.

Lee hotu :   Governu esforsu ezekuta OJE ho rigor "FRETILIN konsidera OJE laiha balansu"

O novo coronavírus já infetou mais de 505 mil pessoas em todo o mundo, tendo já morrido cerca de 23 mil. Dos casos de infeção, pelo menos 108.900 recuperaram. Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.  Oct

Add to Comments Here!!!!

error: Content is protected.
Secured By miniOrange
You might also like:
MS e Governo australiano lançam primeira pedra de novo laboratório para testes do COVID-19

O Ministério da Saúde (MS) e...

Preocupado com impacto do Covid-19, Horta pede que TL recorra ao Fundo Petrolífero

 O diplomata José Ramos Horta mostra-se...

Estadu Emerjénsia, Brigido: Banku BNCTL nafatin fó atendimentu ba kliente

Prezidente Consello Administasaun Brigido de Sousa...

Close