GMN TV Diarío Vaticano anuncia expulsão do padre acusado de pedofilia em Oé-Cusse

Vaticano anuncia expulsão do padre acusado de pedofilia em Oé-Cusse

1 views

O Núncio Apostólico do Vaticano em Timor-Leste, Monsenhor Marco Sprizzi, disse que o padre norte-americano Richard Daschbash da Congregação da Doutrina da Fé (CDF), acusado de crime de pedofilia, em Oé-Cusse, deixou de exercer as funções de sacerdote.

“O Vaticano tomou a decisão de expulsar o padre Richard Daschbash, deixando então este de exercer as funções de sacerdote. Nunca mais o vamos chamar de padre. Não é mais padre. É leigo”, disse, na quinta-feira (05-12), à margem do encontro com o Presidente da República, Francisco Guterres ‘Lu-Olo’, no Palácio Presidencial.

Segundo o Monsenhor Marco Sprizzi, a decisão do Vaticano surge na sequência das acusações feitas, quer pela justiça do Estado de Timor-Leste quer pela justiça do Vaticano.

“A sua identidade de sacerdote foi apagada. A justiça do Vaticano foi clara, definitiva e dura”, referiu.

Já o representante da Congregação da Doutrina da Fé (CDF), Peter Diko, se reuniu esta semana com a esposa do Presidente da República, Cidália Mouzinho Guterres, e a organização FOKUPERS para falarem sobre o acompanhamento que tem sido dado às crianças vítimas de abuso sexual.

Peter Dico referiu ainda que a CDF procedeu já à expulsão do padre das suas funções sacerdotais, segundo o processo canónico, e pediu desculpas às vítimas que terão sido abusadas sexualmente pelo norte-americano.

O representante da CDF apelou ainda à comunidade timorense para denunciar todos os casos de violação às autoridades competentes, mesmo que o crime seja cometido por um sacerdote ou leigo.

“O objetivo da nossa vinda aqui é ajudar as vítimas deste crime horrendo”, disse, Peter Diko, durante a conferência de imprensa, que decorreu na sede da FOKUPERS, no Farol, Díli.

Richard Daschbash, 82 anos, natural de Pittsburg, nos Estados Unidos, vive em Timor-Leste desde 1966 e, em 1992, criou dois centros de abrigo para crianças,  no enclave de Oé-Cusse.

O caso chegou ao conhecimento dos responsáveis timorenses há praticamente um ano, mas só foi tornado público por intermédio do jornal Tempo Timor, em fevereiro deste ano.

Richard Daschbash  foi detido e levado para o posto policial de Oé-Cusse a 26 de abril de 2019.

Para prevenir que casos semelhantes possam ocorrer no futuro, a Igreja de Timor-Leste, segundo Monsenhor Marco Sprizzi, acaba de aprovar uma diretiva interna que tem por objetivo garantir a proteção dos menores dentro das instituições religiosas no país.

“A diretiva agora aprovada vai permitir que sejam excluídas quaisquer situações que ponham em perigo as crianças. Por outro lado, pretende punir severamente os padres que vierem a cometer o mesmo crime. O documento prevê igualmente que as vítimas recebam apoio e que sejam acompanhadas com todo o respeito e carinho que merecem”, disse. Oct


Banner

Foto

Notisia Ikus

PPN-Konselleiru KHUNTO deskute plataforma entendimentu OJE 2022

September 24, 2021
Konselleiru máximu Partidu KHUNTO, José dos Sa...

Posibilidade semana oin, Governu sei la estende tan SS iha Díli

September 24, 2021
Diretór Sala Situasaun Sentru Integradu Jestaun...

FRETILIN: Ema balu tenta destrói amizade Taur-Alkatiri iha MedSos

September 23, 2021
Xefe bankada FRETILIN, Francisco Miranda Branco,...

Governu propoin PR Lú Olo renova EE

September 23, 2021
Governu kontinua propoin, ba Prezidente Repúbli...

Governu hakotu SS iha munisípiu tolu, Díli mantein

September 23, 2021
Governu iha reuniaun Konsellu Ministru (KM), Kua...
1 2 3 643

About

Grupo Média Nacional was founded on the 19th December, 2003 with the aim of contributing to the development of media in the newly independent Timor-Leste. In that respective year, "Jornal Nacional Semanário" weekly newspaper was launched and in 2005 the Group ... more

Phone: 3311441
Email: [email protected]
Address: Dom boaventura no 8, Bebora Dili, Timor Leste.

GMN Map

Copyright © 2021 GMN TV | All right reserved.
apartmentmap-marker